Pesquisar este blog

O número das suas roupas é uma fraude - Autoridade Fitness




Sabe quando você vai às compras e na loja X, seu número é 38, enquanto na loja Y, você usa 40? Quando a produção de roupa em série iniciou, percebeu-se que os corpos das mulheres eram muito mais difíceis de resumir com números. Assim, em 1958, os dados foram usados ​​para criar um sistema com tamanhos de 8 a 42, que eram apenas números arbitrários baseados na altura, bunda e quadris. Nos anos 70 e 80, as empresas começaram a rotular os tamanhos para baixo: a medida da cintura que costumava ser um tamanho 12, tornou-se 8 para que as mulheres quando vestissem as roupas se sentissem mais magras. Ou seja: foi uma estratégia de marketing para as empresas continuarem vendendo 😊 Isso significa que mesmo marcas que pertençam à mesma empresa podem ter tamanhos inconsistentes!

O perigo da dieta flexível | Autoridade Fitness



Sabia que a dieta flexível tem um lado perigoso? A dieta flexível, ganhou popularidade na internet. As pessoas pesam cada alimento que ingerem e cadastram em um aplicativo para controlar o quanto estão comendo e comparam com sua a meta diária de quantidade de gorduras, proteínas e carboidratos. Dois estudos publicados em 2017 na revista Eating Behaviors encontraram associação entre o uso de aplicativos de controle de macronutrientes e a ocorrência de transtornos alimentares. Isso acontece pois registrar todos os alimentos que ingerimos pode desencadear sentimentos de ansiedade sobre a alimentação! Por isso para quem deseja se aventurar numa dieta flexível, é importante ficar alerta para os detalhes e buscar orientação de profissionais. Lembrando sempre que alimentação é muito mais que macronutrientes! Cuidado para não usar essa dieta como uma desculpa, uma bengala, e acabar com uma dieta pobre em micronutrientes. Gostou desse conteúdo? Comenta aqui 👇 e marca alguém para ficar sabendo disso 😊
Fontes: Simpson, C. C., & Mazzeo, S. E. (2017). Calorie counting and fitness tracking technology: Associations with eating disorder symptomatology. Eating Behaviors, 26, 89–92. doi:10.1016/j.eatbeh.2017.02.002 Levinson, C. A., Fewell, L., & Brosof, L. C. (2017). My Fitness Pal calorie tracker usage in the eating disorders. Eating Behaviors, 27, 14–16. doi:10.1016/j.eatbeh.2017.08.003

Alimentos que aliviam a TPM | Autoridade Fitness



Sabia que certos alimentos podem ajudar a aliviar os sintomas da TPM? Pega o caderninho que lá vem lista! 📔 ▪ Alimentos com alto teor de cálcio: O cálcio minimiza a retenção de líquido; Ajuda a prevenir a insônia, pq estimula a de melatonina através do triptofano; e reduz as cólicas, controlando as contrações musculares do interior do útero. Exempo: leite, iogurte natural, brócolis, sardinha, espinafre, agrião, aveia, amêndoas, ovos. ▪ Alimentos ricos em vitamina B6 (piridoxina): Esses alimentos agem principalmente na produção de serotonina e de noradrenalina, que auxilia na disposição e evita a fadiga. Exemplo: salmão, batata (especialmente a doce), abacate, frango, espinafre, banana, alho e atum. ▪ Chocolates com alta concentração de cacau:Sempre que possível, prefira consumir chocolates amargos e meio amargos. Eles contêm menos açúcar - que exacerba os sintomas da TPM, sendo uma opção melhor para matar a vontade pelo doce. ▪ Alimentos ricos em vitamina D: Mulheres com maiores níveis de vitamina D tendem a sofrer menos os sintomas da TPM. Esse nutriente também pode estar relacionado com alterações emocionais. Apesar disso, apenas 10% a 20% da vitamina D é proveniente da ingestão alimentar. A maior parte deve ser sintetizada pelo organismo, através da exposição diária ao Sol. Exemplo: salmão, atum, sardinha, mariscos, ovos, leite, cogumelos Se você sofre com a TPM, Que tal repensar o seu cardápio para o próximo mês? Marca alguém que você adora precisa saber dessas dicas 😊 Fontes: 🔸 Diet Dos and Don'ts to Ease PMS https://www.webmd.com/women/pms/featu... 🔸 5 Alimentos ricos em cálcio https://www.unimed.coop.br/viver-bem/... 🔸 Calcium and vitamin D intake and risk of incident premenstrual syndrome. https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/1...

Para quem é o jejum intermitente? Autoridade Fitness




Você já ouviu falar sobre Jejum Intermitente? Será que faz bem? É seguro? 🤔 O jejum tem uma série de benefícios para o corpo, por exemplo: - Aumento do hormônio do crescimento (GH) - Maior reparação celular - Diminuição dos níveis de insulina no sangue Esses processos ajudam na queima de gordura, que passa a ser usada em maior proporção como fonte de energia do organismo. Ou seja, para quem deseja emagrecer, o Jejum Intermitente é um aliado e tanto. E tem mais: ele pode melhorar a sua saúde como um todo. Alguns estudos chegaram à conclusão de que a prática do Jejum Intermitente pode alterar a expressão de genes relacionados à longevidade e proteção contra doenças. O jejum também é responsável por aumentar um processo chamado autofagia, que ajuda a evitar doenças como artrose, Alzheimer, Parkinson, câncer e diabetes tipo 2. O Nobel de Medicina de 2016 foi dado a um pesquisador japonês por pesquisas sobre jejum 👏 Mas cuidado! ⚠ O Jejum Intermitente não é para todos! Via de regra, a prática do Jejum Intermitente é segura. Mas é IMPORTANTE ficar atento: se você tem algum problema de saúde como diabetes ou doenças endocrinológicas, está grávida ou amamentando, está abaixo do peso ou simplesmente se sente mal depois de algumas horas sem comer, não faça Jejum Intermitente. Algumas pessoas relatam alguns efeitos adversos durante a prática, como tonturas, náuseas e aumento da sensação de fome (como em qualquer dieta restritiva). Esses sintomas tendem a diminuir durante o tempo, mas se forem muito incômodos, o melhor é cessar a prática ou ir progredindo o tempo de jejum aos poucos. De qualquer forma, o ideal é procurar um médico ou nutricionista para avaliar o seu caso. FONTES: What Is Intermittent Fasting? Explained in Human Terms http://authoritynutrition.com/what-is... Intermittent Fasting 101 — The Ultimate Beginner's Guide https://www.healthline.com/nutrition/... Caloric restriction and intermittent fasting: Two potential diets for successful brain aging https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/arti... Entenda o que é autofagia, descoberta que levou o Nobel de Medicina http://g1.globo.com/ciencia-e-saude/n... The Warrior Diet: Review and Beginner's Guide https://www.healthline.com/nutrition/... Fasting: Molecular Mechanisms and Clinical Applications https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/arti... Intermittent fasting combined with calorie restriction is effective for weight loss and cardio-protection in obese women https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/arti...

O melhor Guia alimentar do mundo



Sabia que as diretrizes alimentares do Brasil estão entre as melhores do mundo? O Ministério da Saúde criou o Guia Alimentar para a População Brasileira, considerado referência mundial na área da educação alimentar. Inclusive a Vox - um site americano de notícias e artigos de opinião - publicou em 2015 uma matéria que traz a manchete “O Brasil tem as melhores diretrizes nutricionais no mundo”. Por aqui nosso Guia não repercutiu tanto - talvez por falha de comunicação, porque ninguém dá tanta bola para o assunto como deveria ou porque nós brasileiros temos dificuldades em valorizar coisas boas feitas aqui no Brasil. Ou talvez uma mistura de tudo isso. O Guia dá dicas de como escolher, preparar e consumir os melhores alimentos para a sua saúde - inclusive os obstáculos que os brasileiros enfrentam para se alimentar bem, como informação, oferta, custo, habilidades culinárias, tempo e publicidade. Outra seção do guia alimentar lista os “dez passos para uma alimentação adequada e saudável”. Nos próximos dias vamos fazer uma série de vídeos sobre esses dez passos, então fica de olho por aqui! Você já tinha ouvido falar no Guia? Comenta aqui embaixo se vc já conhecia e segue a gente nas redes sociais! Forte abraço e até a próxima!

Parto Normal vs Cesária

Mitos e verdades sobre a gravidez

Tem muita coisa na internet sobre gravidez, é sério, muita mesmo, mas a gente sabe onde encontrar informações relevantes e sérias?
Eu sei, sou suspeito pra falar, mas a Mamãe Completa se puxa nos temas dos seus vídeos e para este fui chamado para ilustrar um assunto muito importante sobre mitos e verdades na gravidez, vale conferir.

A Bíblia




A PictoBíblia desenvolve um trabalho de divulgação da teologia através da internet, e neste trabalho trataram da Bíblia, livro milenar de extrema importância para o mundo ocidental.
Vale curtir o trabalho desenvolvido.
Confira!