Idolatria do governo



Antigamente quando elegíamos um presidente, aceitávamos que ele foi eleito pela maioria e sua posição é legítima.Mesmo que não tivéssemos votado neles, ainda assim era nosso presidente.
Hoje parece que absolutamente todos possuem desqualificação moral e são inaptos.
Me parece que enquanto estávamos no centro com Collor, Itamar e FHC, por mais que pendêssemos para esquerda ou direita, ainda assim havia certo equilíbrio democrático.
Mas desde que fomos para esquerda ou para direita as coisas começaram a mudar.
A idolatria fez da política um verdadeiro Deus onde cada candidato parece estar para as pessoas como um enviado de messiânico que solucionará todos os problemas.
Partidos são religiões, políticos os seus deuses.

E quando são convencidos dessa “idolatria de poder”, (ainda que desconheçam essa definição), absolutamente tudo é justificado, seja o emprego de violência, protestos ou até mesmo aceitação de pautas obscuras que são periféricas ao objetivo central da causa.

Comentários

Mais visto na semana